Quarta-feira, Fevereiro 8, 2023
7.2 C
Lisboa

Seguro automóvel sem clientes

As seguradoras de Luanda registam uma fraca adesão ao seguro automóvel de responsabilidade civil obrigatório. Apesar da Polícia Nacional ter advertido os automobilistas que vai aplicar a lei a partir do próximo dia 1 de Outubro, verifica-se uma fraca afluência aos balcões das companhias seguradoras.
O desconhecimento da obrigatoriedade do seguro automóvel de responsabilidade civil é tido como uma das razões que levam os automobilistas a retardarem o seu processo de subscrição, para além das dificuldades financeiras.
Eduardo Manuel, motorista de profissão, dirigiu-se a um balcão da ENSA para obter informações. “A maior parte dos automobilistas não têm informação sobre a importância e as vantagens do seguro automóvel de responsabilidade civil obrigatório. Há pouco interesse em aderir a esse produto”, afirma.
Na Global Seguros, o número de automobilistas contava-se pelos dedos de uma mão, talvez por se tratar das primeiras horas da manhã. Mas a funcionária da referida empresa seguradora, que preferiu o anonimato, disse que a adesão ainda é reduzida porque “as pessoas geralmente deixam estes assuntos para o último dia, ou seja quando a Policia Nacional começar a ‘apertar o cerco’. Acredito que quando se aproximar a data de 1 de Outubro, os automobilistas virão em massa”, sublinhou. A mesma situação é observada numa agência da Mundial Seguros. Os automobilistas chegam de forma esporádica. Um deles é o estudante de direito Pablo Fernandes que foi subscrever o seguro para uma irmã. “Na semana passada, a Polícia Nacional interpelou-a na rua e pediu o seguro. E como ainda não tinha efectuado foi advertida para o fazer”, explicou. Na sua opinião, ainda existem muitos automobilistas, entre os quais taxistas por conta própria, que não têm conhecimento dessa medida, que entrará em vigor no dia 1 de Outubro.
De acordo com o presidente da Associação dos Taxistas de Luanda, Faustino Manuel, os apelos são constantes para se legalizarem e efectuarem a subscrição do seguro automóvel. Faustino Manuel revelou que há cerca de três anos circulavam em Luanda 30 mil táxis colectivos e apenas dois mil estavam legalizados, pelo que apenas estes estão habilitados ao seguro. Em vigor desde Fevereiro de 2010, o seguro automóvel  de responsabilidade civil entra em vigor a 1 de Outubro do ano em curso.

Fonte: Jornal de Angola

POSTAR COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

- Publicidade -spot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Ministro colombiano propõe descriminalizar incesto entre adultos

O ministro da Justiça da Colômbia, Néstor Osuna, apresentou ao Congresso um projeto de lei com uma proposta polêmica:...

Artigos Relacionados

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
  • https://spaudio.servers.pt/8004/stream
  • Radio Calema
  • Radio Calema