Zaire: Inauguradas vias urbanas na vila do Cuimba

Zaire: Cerimónia da inauguração das vias urbanas da vila do Cuimba (Foto: Pedro Moniz Vidal)

Seis quilómetros de vias urbanas da sede municipal do Cuimba, província do Zaire, foram inauguradas neste sábado, pelo governador, José Joanes André, no âmbito das celebrações do 42º aniversário da proclamação da independência nacional assinalado a 11 de Novembro.

As ruas foram asfaltadas e dotadas de lancis, passeios, colectores das águas das chuvas e iluminação pública através do sistema de painéis solares, cujas obras estiveram a cargo de uma empreiteira nacional.

Os trabalhos de reabilitação destas vias urbanas iniciaram em Março deste ano, no âmbito de um programa que abrange as seis sedes municipais da província do Zaire, suportado pelo financiamento do Reino da Espanha.

A entrega de uma viatura e alguns medicamentos ao hospital municipal do Cuimba, assim como de novos uniformes às autoridades tradicionais locais, pelo governador, José Joanes André, foram as actividades que antecederam ao acto provincial político de massas comemorativo do 42º aniversário da proclamação da independência nacional, que decorreu naquela Circunscrição.

Muito antes disso, o governador José Joanes André, testemunhou a destruição

de diversos engenhos explosivos não detonados pela Brigada provincial do Instituto Nacional de Desminagem (INAD), que decorreu a cerca de oito quilómetros da sede municipal do Cuimba.

O referido material letal foi desactivado ao longo do traçado de 70 quilómetros, onde será construída a linha de transporte da energia eléctrica de alta tensão para à vila do Cuimba, a partir de Mbanza Kongo, no âmbito do programa de electrificação das sedes municipais gizado pelo Executivo.

A desminagem nesta via abarcou uma área de quatro milhões, 252 mil e 940 metros ao quadrado e decorreu de 07 de Setembro a 23 de Outubro deste ano, durante a qual foram removidos dois mil e 367 engenhos explosivos de diferentes calibres.

Com a conclusão do processo de desminagem, a empresa chinesa TBEA, encarregue na construção da referida linha de transporte de energia eléctrica ao Cuimba, deverá, nos próximos dias, dar início ao trabalho, após ter recebido o certificado de garantia de controlo de qualidade da Comissão Executiva de Desminagem.

Durante a sua estadia no Cuimba, a comitiva governamental, que integrou os dois vice-governadores respectivos, constatou o andamento do cronograma de implementação do projecto agro-industrial local, na aldeia de DIADIA, 12 quilómetros a nordeste da vila.

O governador assistiu também ao jogo da final da quadrangular ” 11 de Novembro” opondo duas equipas locais, tendo feito a entrega das medalhas e a taça à equipa vencedora.

Este projecto, de subordinação central, está vocacionado para o cultivo de milho e soja em grande escala, assim como criação de aves de corte e produção de ovos.

Ainda por ocasião do dia da Dipanda, 11 de Novembro, o governador, inaugurou também, no princípio da noite de sábado, um restaurante na cidade de Mbanza Kongo, afecto à uma empresa privada. (Angop)

DEIXE UMA RESPOSTA