Tunísia: Filme “Comboio de Sal e Açúcar” premiado em Cartago

VISTA PARCIAL DA CIDADE DE TÚNIS TUNÍSIA QUE ACOLHE FESTIVAL DE CARTAGO (FOTO: CLEMENTE DOS SANTOS)

O filme do realizador brasileiro “Comboio de Sal e Açúcar” ganhou a Tanit de Ouro sábado na 28ª edição do Festival de Cinema de Cartago, em Túnis (Tunísia).

Filmado no estilo western, “Comboio de Sal e Açúcar” mostra a perigosa viagem de um comboio que tenta trocar sal por açúcar, atravessando zonas rebeldes em 1989, durante o conflito interno que varreu o país africano.

A película que ganhou o maior galardão daquela amostra de sétima arte foi filmada pelo director brasileiro radicado em Moçambique, Licínio Azevedo.

Muito populares, as Jornadas Cinematográficas de Cartago são um dos principais eventos culturais de Túnis, dedicadas ao cinema africano e árabe.

A Tanit de Prata, segunda classificação, foi para “The Wound”, filme sul-africano de John Trengove, que evoca os amores homossexuais e um rito ancestral de iniciação.

O filme “Volubilis”, do marroquino Faouzi Bensaidi, que faz uma crónica social contra o liberalismo, conquistou a Tanit de Bronze.

Na categoria “documentários”, o premiado foi “Ghost Hunting”, do palestino Raed Andoni, e “Upon the Shadow”, um e intimista filme tunisino da directora Nada Mezni Hafayedh sobre a comunidade gay do seu país. (Angop)

DEIXE UMA RESPOSTA