Shinzo Abe: Japão vai abater mísseis de Pyongyang “se for necessário

(DR)

O líder japonês anunciou também que vai congelar os bens de 35 organizações e pessoas norte-coreanas, impondo uma sanção suplementar a Pyongyang.

O Japão vai abater os mísseis norte-coreanos “se for necessário”, declarou hoje o primeiro-ministro japonês, Shinzo Abe, durante uma conferência de imprensa conjunta com o Presidente norte-americano, Donald Trump.

“Vamos abatê-los se necessário e, nesses casos, o Japão e os Estados Unidos vão cooperar de forma estreita”, declarou Abe. Nos últimos meses dois mísseis norte-coreanos sobrevoaram a ilha japonesa de Hokkaido.

O líder japonês anunciou também que vai congelar os bens de 35 organizações e pessoas norte-coreanas, impondo uma sanção suplementar a Pyongyang.

“Vamos decidir amanhã o congelamento de bens de 35 organizações e personalidades norte-coreanas”, uma medida adicional para tentar resolver o problema dos japoneses sequestrados pelos serviços secretos norte-coreanos e face ao programa nuclear e de mísseis de Pyongyang, declarou.

Abe disse ainda que apoia a política de Trump de manter todas as opções em cima da mesa, face às provocações da Coreia do Norte.

“Apoiamos a política de Trump segundo a qual todas as opções estão em cima da mesa” para conter o rápido desenvolvimento do programa nuclear e de mísseis de Pyongyang, disse. (Jornal Económico)

DEIXE UMA RESPOSTA