Ler Agora:
Regedoria do Quindando ganha uma escola do I ciclo
Artigo completo 2 minutos de leitura

Regedoria do Quindando ganha uma escola do I ciclo

A população da regedoria do Quindando, município do Negage, província do Uíge, conta desde, quinta-feira, com uma escola do I ciclo do ensino secundário, com seis sala de aulas, com capacidade para albergar pelo menos 540 alunos, em dois turnos.

A escola conta ainda com sala administrativa, sala de professores, gabinetes do director-geral e do director pedagógico, respectivamente, casas de banhos, entre outros compartimentos.

Construída sob iniciativa do Fundo de Apoio Social (FAS) e financiada pelo Banco Mundial (BM), a obra ficou orçada em 32 milhões e 600 mil kwanzas.

Falando na cerimónia de inauguração da escola, o director provincial da Educação do Uíge, Manuel Zangala, apelou aos habitantes da regedoria do Quindando no sentido de conservarem da melhor forma a nova infra-estrutura para servir também às futuras gerações.

Garantiu igualmente o enquadramento de novos professores para a região nos próximos concursos públicos, sem apontar o número de docentes necessários, assim como a nomeação de directores para a nova escola, para permitir o normal funcionamento da instituição.

Por sua vez, o representante do FAS no Uíge, Diogo Mariano, disse que o Fundo de Apoio Social prevê inaugurar, nos próximos tempos, quatro escolas de seis salas cada uma, assim como uma residência para professores, no município da Maquela do Zombo.

Adiantou que as novas escolas vão absorver alunos que vivem ao longo da fronteira com a República Democrática do Congo (RDC).

Já o regedor do Quindando, Henriques Zunga, agradeceu o gesto do governo local e do FAS pela construção da escola e solicitou a implementação de outros projectos sociais, como energia e água, na circunscrição. (Angop)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos com são obrigatórios *

Input your search keywords and press Enter.