Orçamento retificativo timorense ascenderá a 1,66 mil milhões de dólares – PM

(DR)

O Orçamento Retificativo que o Governo timorense está a preparar para este ano aumenta as contas públicas anuais de 1,34 para cerca de 1,66 mil milhões de dólares, disse à Lusa o chefe do executivo, Mari Alkatiri.

Em declarações em Perth Alkatiri explicou que o valor total de aumento, que ronda os 320 milhões de dólares, inclui “211 milhões de dólares para pagar dívidas novas” não financeiras referentes a contratos adjudicados nos últimos meses do anterior executivo.

Fazem ainda parte do valor global de aumento “dívidas de outros Ministérios” algumas dos quais datam já de 2014, referiu. “O retificativo inclui as dívidas que foram contraídas nos primeiros meses do segundo semestre deste ano com projetos adjudicados de forma direta a 140 e tal empresas.

No total são 211 milhões de dólares”, disse Mari Alkatiri. “Isso entra já no Orçamento Retificativo. Antes de pagar teremos que nos certificar que as obras foram feitas, que tudo foi cumprido. Só uma auditoria poderá revelar o mistério do porquê desta atribuição de tantos contratos em ajuste direto”, referiu. Globalmente, Alkatiri disse que a estrutura do novo Governo implica uma “poupança imediata de 40 milhões de dólares” e garante que a poupança será ainda maior no próximo ano “em termos de disciplina de despesas”.

Mari Alkatiri falava à Lusa em Perth onde participa, entre hoje e domingo, na Conferência Regional da Ásia-Pacífico (APRC, na sigla em inglês), cuja abertura oficial contará com uma intervenção sua, do seu homólogo australiano, Malcolm Turnbull, e do Presidente alemão, Frank-Walter Steinmeier. (Dinheiro Vivo)

DEIXE UMA RESPOSTA