Ministério da Saúde de Moçambique retira antibiótico das farmácias

A Organização Mundial da Saúde (OMS) alerta para a existência de poucos antibióticos em desenvolvimento para combater a crescente ameaça de infecções resistentes a vários medicamentos (DR)

O Ministério da Saúde de Moçambique mandou retirar das farmácias o medicamento Fenoximetil-Penicilina apresentado como antibiótico em comprimidos, mas que é impróprio para o consumo humano, anunciou em comunicado.

O produto importado pela firma Generics & Especialistas não foi distribuído ou vendido nas unidades sanitárias públicas, sendo disponibilizado apenas em estabelecimentos privados, refere a nota.

A irregularidade do medicamento de fabrico indiano, com validade até março de 2018 foi detetado no âmbito das atividades inspetivas realizadas pelo setor, acrescenta.

O medicamento é receitado como antibiótico do grupo das penicilinas, usado no tratamento de infeções respiratórias e doenças oportunistas em portadores de HIV/Sida.

O ministério afirma que continuam as averiguações para se apurarem causas e serem responsabilizados os intervenientes. (Diário de Notícias)

por Lusa

DEIXE UMA RESPOSTA