Malanje: Governo revê plano para reduzir criança fora do sistema de ensino

HUÍLA: CRIANÇAS NAS RUAS DE CALUQUEMBE (FOTO: MORAIS SILVA)

Com vista a reduzir o índice de crianças fora do sistema normal de ensino, o governo provincial de Malanje vai rever o seu programa estratégico ligados a este sector, afirmou quarta-feira, na localidade do Quéssua, o vice-governador provincial para o sector político, social e económico, Domingos Eduardo.

O responsável que teceu tais considerações durante a cerimónia de encerramento do II Fórum Provincial da Educação, que arrancou segunda-feira (31), referiu que o programa educacional vai obedecer a realidade de cada município, para que cada vez mais crianças possam frequentar a escola, erradicando assim o analfabetismo.

Acrescentou que uma justa remuneração pode estimular a melhoria do sistema educativo, mas chamou atenção para a importância de se saber as prioridades, tendo em conta que as dificuldades deste ramo não estão consubstanciadas unicamente na questão salarial.

“O professor é o primeiro pilar do desenvolvimento de uma sociedade, pelo que se espera dele uma nova postura, rumo ao desenvolvimento da educação”, disse.

Realçou ainda a pretensão do Estado em formar uma nova geração com elevada competência e altura dos desafios do país, daí a importância de uma classe docente mais activa e comprometida.

O II Fórum Provincial da Educação decorreu sob o lema “Por uma educação de qualidade, lideremos orientados a resultados” e durante a qual foram debatidos temas relacionados com a gestão escolar e liderança nas instituições de ensino, motivação no trabalho, gestão e manutenção das escolas e o processo de ensino e aprendizagem, reforma escolar, entre outros.

Participaram do evento, membros do governo, directores e subdiretores de algumas escolas da província, administradores municipais adjuntos, professores e convidados. (Angop)

DEIXE UMA RESPOSTA