Governador morre em acidente de viação no Quénia

Imagem ilustrativa (Afp)

O governador do condado queniano de Nyeri, Wahome Gakuru, morreu num trágico acidente de viação esta terça-feira, quando viajava para Nairobi, a capital do país, para participar numa emissão televisiva, anunciou o Vice-Presidente da República, William Ruto.

Este excelente economista, que dirigia um dos 47 condados do Quénia, fazia-se acompanhar dos seus colaboradores na altura do acidente ocorrido na autoestrada Thika Super Higway, segundo a Polícia.

“Acordamos com uma má notícia. É muito triste perder este governador. Os acidentes de viação tornaram-se numa causa importante de mortalidade no nosso país.

“Não podemos dizer mais, senão exprimir as nossas sinceras condolências à família e à população de Nyeri. Choramos todos este grande líder”, declarou Ruto aos jornalistas presentes na casa mortuária, em Nairobi.

Segundo Gitahi Kahiga, vice-governador de Nyeri, o motorista perdeu o controlo do veículo e embateu num separador de segurança da autoestrada depois duma cratera.

“É triste para esta nação e a população de Nyeri”, lamentou Kahiga à imprensa, precisando que, para além do motorista, estavam igualmente no veículo um guarda-costas e um assistente do governador.

Gakuru foi um dos arquitetos do plano económico queniano intitulado “Vision 2030”.

Foi eleito no seu posto em agosto de 2017, sucedendo assim a Nderitu Gachagua, igualmente morto em funções na véspera das eleições gerais.

O condado de Nyeri situa-se no centro do Quénia. É a região natal do antigo Presidente Mwai Kibaki. (Panapress)

DEIXE UMA RESPOSTA