Governador de Luanda apela respeito aos munícipes já falecidos

Adriano Mendes de Carvalho, Governador de Luanda (Foto: Lino Guimarães)

O governador de Luanda, Adriano Mendes de Carvalho, apelou aos munícipes da província para o respeito aos cidadãos já falecidos e a preservação dos cemitérios.

O apelo foi feito hoje, quinta-feira, no distrito urbano da Ingombota, nesta cidade, momentos depois de depositar uma cora de flores no Monumentos do Soldado desconhecido, em homenagem dos munícipes já falecidos.

“O momento é o de recordar com respeito aqueles que partiram e deixaram saudades aos que ficaram, neste momento de dor devemos render a singela homenagem”, sublinhou.

Questionado sobre a construção de mais cemitérios, devido o crescimento da cidade, Mendes de Carvalho confirmou a existência deste projecto.

“Não gosto muito falar na construção de cemitérios, preferia falar na construção de hospitais, escolas ou creches”, disse.

Devido a lotação deixaram de receber novos enterros os cemitérios do Alto das Cruzes e da Santa Ana, e em vias de encerrar pelas mesmas razões os da Camama e do catorze.

Estão em funcionamento os do Benfica (Belas), municipais de Icolo e Bengo, Quiçama, Viana e Cacuaco

Em função do crescimento demográfico, hoje a capital angolana conta com mais de seis milhões de habitantes, distribuídos pelo municípios de Luanda, Cacuaco, Cazenga, Kilamba-Kiaxi, Cazenga, Viana, Belas, Talatona, Belas, Icolo e Bengo e Quiçama. (Angop)

DEIXE UMA RESPOSTA