Emitida ordem de detenção internacional para Puigdemont

(Photo by David Ramos/Getty Images)

Juíza da Audiência Nacional também emitiu ordem de captura para os quatro ex-conselheiros que se mantêm na Bélgica com Carles Puigdemont e que nao compareceram no tribunal esta quinta-feira.

A juíza da Audiência Nacional Carmen Lamela decidiu emitir uma ordem captura internacional para Carles Puigdemont e os quatro ex-conselheiros da Generalitat que estão na Bélgica e que não compareceram em tribunal esta quinta-feira, de acordo com o El País.

A juíza Lamela afirma que Carles Puigdemont aproveitou o seu cargo como chefe do governo regional da Catalunha para “realizar um referendo independentista para conseguir a separação da Catalunha”, juntamente com outras autoridades, funcionários públicos e entidades públicas e privadas catalãs.

“Eles promoveram e utilizaram força intimidatória e violenta dos setores independentistas da população, apelando à insurreição e desafiando a ordem constitucional”, refere Carmen Lamela.

A juíza elaborou dez autos, dois para cada um dos antigos responsáveis da Generalitat que estão na Bélgica.

O Ministério Público belga disse esta quinta-feira que assim que recebesse a ordem de detenção europeia iria aplicar a lei.

A diplomacia espanhola na Bélgica já indicou que, até agora, não teve qualquer problema com as autoridades belgas e que espera uma cooperação total no plano judicial e policial, avança o El País. (Notícias ao Minuto)

por Fábio Nunes

DEIXE UMA RESPOSTA