Deputados do CDS-PP reúnem-se em jornadas a partir de hoje no distrito de Aveiro

Assunção Cristas, no 26º Congresso do CDS-PP (Estela Silva/Lusa)

Os deputados do CDS-PP reúnem-se hoje e quarta-feira em jornadas parlamentares no distrito de Aveiro, com os temas do trabalho e descentralização na agenda e as autárquicas de outubro no horizonte.

Sob o lema “Competitividade regional”, as jornadas arrancam pela manhã com visitas a empresas dos concelhos de Águeda e Vale de Cambra, com os deputados a dividirem-se em dois grupos.

A líder do partido, Assunção Cristas, visitará três empresas da área metalúrgica em Vale de Cambra: Marsilinox, Inocambra e Inaceinox. Já o líder parlamentar, Nuno Magalhães, encabeçará outro grupo de deputados que se deslocará à empresa de equipamento eletrónico e telecomunicações HFA (Henrique, Fernando e Alves S.A), em Águeda.

Segue-se um almoço com empresários do distrito, em Albergaria-a-Velha, antes do arranque formal das jornadas, marcado para as 15:30, pelo líder parlamentar democrata-cristão.

As jornadas dos democratas-cristãos terão um triplo objetivo, segundo o líder parlamentar Nuno Magalhães.

“Conhecer melhor um distrito que é importante, historicamente importante para o CDS, recolher a opinião de pessoas que não pensam como nós em temas sobre os quais poderemos apresentar propostas e apoiar os nossos autarcas”, resumiu, em declarações aos jornalistas no parlamento.

No distrito por onde se elegia deputado o anterior líder do partido, Paulo Portas, o CDS-PP tem atualmente duas câmaras — Albergaria-a-Velha e Vale de Cambra — e “objetivos concretos” em outras, referiu Nuno Magalhães.

Os democratas-cristãos querem, ainda, “contactar com a realidade de um distrito que é empreendedor”, com uma “indústria e comércio fortes”, e discutir temas que poderão levar à apresentação de iniciativas legislativas no parlamento, com o programa a incluir painéis sobre trabalho e descentralização.

Hoje à tarde, o painel sobre “A importância do fator trabalho no crescimento económico” terá como oradores o ex-secretário-geral da UGT João Proença, o reitor da Universidade de Aveiro, Manuel António Assunção, e o vice-presidente da CIP Rafael Campos Ferreira.

O primeiro dia das jornadas encerra com um jantar convívio com dirigentes e autarcas do CDS-PP no distrito, em Vagos.

Na quarta-feira, as jornadas arrancam com o painel “A descentralização e a competitividade regional”, com intervenções de Manuel Carlos Lopes Porto, professor universitário e antigo presidente da Comissão de Coordenação da Região Centro, de José Ribau Esteves, presidente da Câmara Municipal de Aveiro, e de Victor Mendes, presidente da Câmara Municipal de Ponte de Lima, gerida pelos democratas-cristãos e considerada pelo partido uma ‘autarquia modelo’.

O encerramento das jornadas está previsto para o final da manhã, pela presidente do CDS-PP, Assunção Cristas, e durante a tarde os deputados democratas-cristãos irão ainda visitar a fábrica e museu da Vista Alegre, em Ílhavo. (Diário de Notícias)

DEIXE UMA RESPOSTA