Soldados russos são mortos em Deir ez-Zor

Porta-voz da CNE, Júlia Ferreira (Foto Arquivo (Foto: Cortesia de Manuel Adão Zamba)

Dois soldados russos foram mortos na sequência de um ataque realizado por militantes do Daesh na província síria de Deir ez-Zor, segundo informou o Ministério da Defesa da Rússia nesta segunda-feira, 4.

De acordo com a Defesa russa, os dois militares acompanhavam um comboio do Centro Russo para a Reconciliação da Síria quando foram surpreendidos por disparos de morteiros das forças extremistas. Um deles morreu no local, enquanto o outro faleceu mais tarde, no hospital.

“O soldado ferido foi levado prontamente para um hospital, onde médicos militares russos lutaram por sua vida. No entanto, os ferimentos se revelaram mortais”, afirmou a Defesa em comunicado.

As identidades das vítimas ainda não foram reveladas.

Mais cedo, ataques aéreos realizados pelas Forças Armadas da Rússia em Deir ez-Zor, em apoio ao avanço do Exército Sírio, deixaram mais de 70 terroristas mortos e feridos. (Sputnik)

DEIXE UMA RESPOSTA