Pierre Ngolo eleito novo presidente do Senado no Congo

(Arquivo) Vista parcial da cidade de Brazzaville (Foto: edgymix)

O secretário-geral da Partido Congolês do Trabalho (PCT, no poder), Pierre Ngolo, foi eleito terça-feira por unanimidade presidente do Senado, soube-se de fonte oficial em Brazzaville.

Após a sua eleição, Pierre Ngolo apelou aos seus colegas para demonstrar responsabilidade, resistindo à tentação de dizer sempre “Sim” ou “Não” ao Governo.

A seu ver, apenas contarão, nas suas deliberações, a qualidade objetiva dos textos submetidos à sua aprovação e, “sobretudo, o dever de os melhorar a fim de que eles tenham um impacto verdadeiramente positivo na vida dos nossos concidadãos”.

« O Senado, longe de ser um instrumento de discórdia, trabalha com sabedoria para conciliar os cidadãos a fim de alcançar um consenso. Ele deve refletir, mas refletir bem, face a propostas que invertam o curso da história da nossa pátria”, prosseguiu Pierre Ngolo.

Garantiu que o Senado desempenhará todo o seu papel na busca da paz em Pool (sul), onde impera presentemente um clima de insegurança, favorecendo todas as iniciativas tomadas em conformidade com a ordem republicana.

O novo presidente do Senado exortou a oposição a participar no jogo democrático inscrevendo-se numa iniciativa de construção apresentando e defendendo projetos alternativos.

Pierre Ngolo, eleito por 70 votos em 70 senadores presentes, está à frente dum gabinete composto de sete membros, substituindo André Obami Itou, que passou 10 anos à frente desta câmara alta do Parlamento congolês. (Panapress)

DEIXE UMA RESPOSTA