Papa Francisco deixa Colômbia de regresso a Roma

(Reuters)

O papa Francisco deixou no domingo a Colômbia, após concluir uma visita de cinco dias ao país, durante a qual destacou a importância da reconciliação para se alcançar a paz

O Boeing 787 Dreamliner da Avianca que transporta a comitiva do papa partiu do Aeroporto Internacional Rafael Núñez de Cartagena com destino a Roma pelas 19:26 (01:26 de segunda-feira em Luanda).

Durante a viagem à Colômbia, a sua 20.ª visita oficial ao estrangeiro, o papa fez um apelo para que o país consiga uma “verdadeira reconciliação” na sequência dos acordos de paz entre o Governo e a guerrilha das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (FARC).

Em novembro, o Governo colombiano e as FARC assinaram um novo e definitivo acordo de paz (um primeiro acordo foi rejeitado em referendo pelo povo colombiano), pondo fim a 52 anos de guerra civil no país.

Em fevereiro iniciou-se o processo de desmobilização da guerrilha (que tem sofrido alguns percalços, embora menores) e em finais de junho os observadores da ONU comprovaram a entrega das armas por parte das FARC. (Notícias ao Minuto)

por Lusa

DEIXE UMA RESPOSTA