Jovem encontrado morto na esquadra, um dia após ser preso

(DR)

Dias Casa Mbata, de 19 anos, morreu na esquadra 28, no bairro do Golfe, um dia após a sua detenção. A delegação do SIC abriu um inquérito para se apurarem as razões da morte.

A Delegação de Comunicação Institucional e Imprensa de Luanda do Ministério do Interior instaurou um inquérito para apurar a causa da morte do jovem Dias Casa Mbata, de 19 anos, na esquadra 28 na zona do Golfe, afirmou o director de imprensa, Intendente Mateus Rodrigues.

Mateus Rodrigues disse que tudo está a ser feito para que os autores deste crime respondam criminalmente. “Está a ser feito um inquérito para se saber o que de concreto aconteceu naquele dia. Não posso avançar com mais dados para não atrapalhar as investigações”, disse.

Já a irmã do malogrado, Inês Muabi, disse que três elementos da investigação criminal de Luanda foram à sua residência buscar o irmão, por volta das 11h quando este preparava o almoço.

Acrescentou ainda que a autópsia revelou que Dias Casa Mbata teve três fracturas no crânio, o corpo todo machucado, um braço partido. (Novo Jornal)

DEIXE UMA RESPOSTA