Girabola2017: Tiago Azulão e Carlinhos colocam Petro no topo da tabela

Claque do Petro de Luanda (FOTO: ANTONIO ESCRIVAO)

O avançado Tiago Azulão e médio Carlinhos colocaram nesta quarta-feira o Petro de Luanda no topo do Campeonato Nacional de futebol da primeira divisão, Girabola2017, com 53 pontos, ao marcarem cada um golo que ditou a vitória diante do Atlético Sport Aviação (ASA), por 2-1, em jogo de acerto à 20ª jornada disputado no estádio dos Coqueiros, na capital do país.

O brasileiro Tiago Azulão foi o que abriu o marcador com golo de cabeça, aos 16 minutos, enquanto Carlinhos ampliou a vantagem aos 64’. O avançado Bena reduziu para os ‘’aviadores’’ já nos descontos de tempo (90+1).

Desde muito cedo que os ‘’petrolíferos’’ assumiram o domínio da partida, o ‘’capitão’’ Job e Diney com os seus ‘’dribles’’ conseguiam ameaçar o sector mais recuado da formação do aeroporto até aos 10 minutos.

Fruto deste ascendente, o próprio Job na execução de um livre, obrigou Magueti a desviar a bola para canto.

O ASA respondeu apenas aos 14 minutos, numa jogada que Ayala, próximo da área, rematou forte, mas a bola passou por cima da baliza de Gerson.

O encontro prosseguia e com a turma do Catetão mais ofensiva, o ASA encontrava serias dificuldade para se impor.

Aos 16 minutos, na sequência de um canto cobrado por Job, Tiago Azulão saltou e desviou de cabeça o lance sem dar hipótese de defesa a Magueti, colocando o Petro em vantagem (1-0), resultado que prevaleceu até ao intervalo.

No reatamento, os dois conjuntos apresentaram a mesma disposição, enquanto a formação do aeroporto procurava o tento de empate, mas parecia pouco criativa na conclusão das jogadas, os petrolíferos tentavam ampliar a vantagem.

No mesmo instante, Bena em missão individual tentou surpreender Gerson, mas colocou a bola por cima. Neste período notou-se melhor actuação dos pupilos de Paulo Saraiva, que levavam mais perigo a baliza do guarda-redes do Petro.

Esta evolução foi interrompida aos 64 minutos, quando a equipa do Catetão ampliou m (2-0) a vantagem, por intermédio de Carlinhos que terminou em golo o passe cruzado de Job.

Depois daí, houve vários momentos, já no tempo de desconto (90+1), Bena foi certeiro ao reduzir de cabeça a desvantagem (1-2), resultado com que terminou o duelo.

O ASA continua na 12ª posição com 22 pontos. (Angop)

DEIXE UMA RESPOSTA