França ajudará Moçambique a atrair investimentos

Confiança aumentará investimentos em Moçambique (DR)

A França está disposta à ajudar Moçambique a resgatar a confiança junto dos investidores estrangeiros e dos parceiros económicos, após terem suspendido ajudas devido à descoberta de dívidas ocultas. Esta posição foi hoje assumida pelo Embaixador gaulês em Moçambique, Bruno Clerk, no final de um encontro com os membros da Confederação das Associações Económicas de Moçambique CTA

Já lá vão quase dois anos que os parceiros económicos internacionais de Moçambique suspenderam o apoio directo ao Orçamento do Estado, motivado pela descoberta de dívidas escondidas, estimadas em pouco mais de dois mil milhões de dólares.

Mas, porque o País precisa, o Embaixador da França em Moçambique manifestou a disponibilidade em apoiar o País acolhedor, no resgate da confiança de que necessita junto dos seus parceiros e investidores.

Esta foi a mensagem deixada pelo Embaixador da França em Moçambique, Bruno Clerk, à classe empresarial, numa visita efectuada à sede, em Maputo, da Confederação das Associações Económicas de Moçambique CTA.

Oiça aqui mais pormenores, relatados por Orfeu Lisboa, correspondente da RFI em Maputo. (RFI)

DEIXE UMA RESPOSTA