Forças de segurança detêm oito extremistas na Tunísia

A Tunísia concluiu uma barreira de segurança com a fronteira da Líbia (Foto: Lusa/D.R)

Oito extremistas, que operavam em “células de apoio aos terroristas nos maciços montanhosos” foram detidos terça-feira na Tunísia, anuncia um comunicado do Ministério tunisino do Interior.

A detenção destes presumíveis apoiantes de terroristas foi efectuada depois de as unidades de segurança terem conseguido aceder ao cimo do Monte Birino, na localidade de Kasserine, no centro-oeste da Tunísia.

As mesmas forças de segurança eliminaram “dois perigosos terroristas » e detiveram um terceiro, indica ainda a nota.

Segundo o Ministério do Interior, o inquérito realizado com o “terrorista detido” permitiu obter várias informações sobre as circunstâncias ligadas a operações levadas a cabo por elementos entrincheirados nos maciços montanhosos do centro-oeste do país.

O inquérito permitiu também interrogar os oito extremistas apoiantes das “células terroristas nos maciços montanhosos de Djendouba, Kasserine e Sidi Bouzid, e proceder à sua captura, acrescentou o comunicado. (Panapress)

DEIXE UMA RESPOSTA