Cuando Cubango conta com novos médicos

Médicos na actividade educativa e de prevenção sobre a importância da vacinação (Foto: Pedro Parente)

A província do Cuando Cubango conta com novos médicos apresentados oficialmente domingo, em Menongue, pelo governador local, Pedro Mutindi, como reforço ao sistema de melhoria contínua da assistência médica às populações.

Os médicos internos gerais foram distribuídos assim: 11 para Menongue, sede da província, Calai e Cuchi (três cada) e Cuito Cuanavale (dois). Mavinga e Cuangar serão contemplados na segunda-fase.

No acto de apresentação, Pedro Mutindi enalteceu a coragem dos jovens médicos, maioritariamente do sexo feminino, por terem decidido trabalhar no Cuando Cubango para, na companhia dos já existentes, garantirem a saúde preventiva e curativa das populações nas diversas municipalidades.

Referiu que cada cidadão pode optar pela profissão que queira, mas que um médico deve ter uma característica especial, humanista.

Já o director provincial da Saúde, Lucas Mateus Macay, em declarações à imprensa, afirmou que para o Cuando Cubango estão previstos 43 médicos, pelo que os restantes chegam, brevemente, na segunda fase.

O médico informou que até então o Cuando Cubango tinha 35 médicos, entre nacionais e estrangeiros, sendo que com o reforço já referenciado o sector “deu um grande salto qualitativo”. (Angop)

DEIXE UMA RESPOSTA