Raúl Danda responde a alegações de macumba de Fernando Heitor

vice-presidente da UNITA, Raúl Danda (Foto: Pedro Parente)

O vice-presidente da UNITA desvalorizou as alegações recentes do deputado e correligionário Fernando Heitor, segundo as quais terá chegado a número dois do ‘Galo Negro’ graças a macumba. “Um militante que não concorde, para mim não faz nem quente nem frio”, disse Raúl Danda.

Em entrevista à rádio MFM, transmitida esta manhã, o vice-presidente da UNITA, Raúl Danda, considerou que a contestação de Fernando Heitor à sua ascensão no partido do “Galo Negro” deve ser vista com normalidade.

“Qualquer dirigente do mundo não pode ter unanimidade, não há 100% de pessoas que concordem [com ele]”, disse o número dois da UNITA, desvalorizando as declarações recentes do economista sobre a sua posição no partido.

“Uma coisa é certa: a UNITA tem muitos militantes, portanto um militante que não concorde, para mim não faz nem quente nem frio. Não concorda, não quer, paciência, ponto final. Sinta-se mal, desmaie, faça o que quiser…enquanto isso a caravana vai passando”, reforçou Raúl Danda, reagindo, assim, às críticas de Fernando Heitor.

Recorde-se que o economista e ainda deputado da UNITA, que anunciou esta semana o voto no MPLA, sugeriu que só uma forte “macumba” pode ter levado o presidente Isaías Samakuva, por quem diz ter o maior respeito, a convidar Raúl Danda para seu vice-presidente, escolha que, a seu ver, coloca o partido numa posição mais fragilizada.

Para além de garantir que não se deixará beliscar por causa dessas coisas – em linha com as declarações do porta-voz da UNITA, Alcides Sakala -, o vice-presidente do “Galo Negro” assegurou que não tem qualquer conflito com Fernando Heitor.

“Não me lembro de ter tido nenhum problema. Acho que quem terá problema só pode se ele”, frisou. (Novo Jornal)

DEIXE UMA RESPOSTA