Pelo menos cinco mortos em atentado na Somália

Atentado na Somália (DR)

Pelo menos cinco pessoas morreram e nove ficaram feridas devido à explosão de um veículo armadilhado, perpetrada pelo grupo terrorista Al Shabab, em Mogadíscio, capital da Somália, informou hoje o governo.

O ataque ocorreu na noite passada numa movimentada rua da capital, horas depois dos Estados Unidos confirmarem a morte de um líder do Al Shabab num bombardeamento na Somália.

O alvo do atentado era um hospital do Governo, asseguraram os ‘jihadistas’, que reivindicaram o atentado.

Várias testemunhas asseguraram à Efe que as vítimas mortais eram civis que passavam naquele momento na zona e que muitos edifícios ficaram destruídos devido à explosão.

Segundo um comunicado divulgado pelo comando militar norte-americano para África (AFRICOM), um dos principais terroristas do grupo, conhecido como Ali Jabal, morreu em 30 de julho último num bombardeamento dos Estados Unidos no sul do país, do qual não resultaram vítimas civis.

Nos últimos meses, militantes do grupo ‘jihadista’ cometeram atentados suicidas e assassínios de polícias, líderes governamentais e militares na capital, além de numerosos ataques contra o Exército Nacional da Somália e a Missão da União Africana na Somália (AMISOM).

O grupo terrorista Al Shabab, filial da Al-Qaida na Somália, quer instaurar um Estado islâmico na Somália. (Notícias ao Minuto)

por Lusa

DEIXE UMA RESPOSTA