Mais de 36 mil menores grávidas na Guatemala nos primeiros 6 meses do ano

A Guatemala registou, entre janeiro e junho, mais de 36 mil grávidas com menos de 17 anos de idade (DR)

A Guatemala registou, entre janeiro e junho, mais de 36 mil grávidas com menos de 17 anos de idade, segundo dados facultados, na terça-feira, pelo Observatório de Saúde Reprodutiva (Osar) numa reunião com deputados.

Os deputados que integram a Comissão da Juventude no Parlamento mostraram-se preocupados com os números, os quais revelam também que, nos últimos três anos, foram inscritos no Registo Nacional de Pessoas (Renap) mais de 195 mil bebés cujas mães tinham idades entre os 10 e os 17 anos.

“É preocupante ver este número de crianças que foram mães em tão tenra idade, porque foram violadas ou não tiveram educação sexual, cortando-se-lhes deste modo a sua infância, pelo que acreditamos que se devem procurar planos para evitar gravidezes de menores”, afirmou Juan Manuel Giordano, deputado que preside a essa comissão parlamentar.

O coordenador do Osar, Gandy Velásquez, informou que o organismo solicitou aos ministérios da Saúde e Educação apoio para iniciar campanhas de consciencialização entre menores nomeadamente nas escolas. (Notícias ao Minuto)

por Lusa

DEIXE UMA RESPOSTA