Irão quer abrir embaixada em Luanda

Coqueiros, Luanda (Foto: Jorge Monteiro/Portal de Angola)

O Irão pretende abrir uma embaixada em Luanda em 2018, informou, esta segunda-feira, o Ministério das Relações Exteriores de Angola, após reunião do titular da pasta, Georges Chikoti, com o homólogo iraniano, em Teerão.

O chefe da diplomacia angolana representou o chefe de Estado, José Eduardo dos Santos, na cerimónia de posse do presidente reeleito da república islâmica do Irão, Hassan Rouhani, realizada no sábado, seguindo-se esta segunda-feira uma reunião de trabalho com o homólogo iraniano, para reforço da cooperação bilateral.

«O ministro dos Negócios Estrangeiros, Mohammad Java Zarif, disse que o Irão deseja abrir embaixada em Luanda, já no próximo ano para facilitar a cooperação com as autoridades angolanas.

Ao ministro Chikoti, o chefe da Diplomacia iraniana exprimiu também o desejo de o seu país desenvolver com Angola uma cooperação nos setores da construção, engenharia civil, banca, investimentos e ensino», informou do Ministério das Relações Exteriores angolano.

Acrescentou, depois, que o ministro Mohammad Java Zarif aceitou igualmente o convite de Georges Chikoti para uma visita oficial a Angola.

Angola e Irão são dois grandes produtores regionais de petróleo, com cerca de 1,7 milhões e 3,1 milhões de barris de crude por dia, respectivamente. (Observador)

por Lusa

DEIXE UMA RESPOSTA