General “Disciplina” apela conduta ordeira das FAA no pleito

CHEFE DO ESTADO MAIOR ADJUNTO DAS FAA, GENERAL EGÍDIO DE SOUSA SANTOS, NO MOXICO (FOTO: KINDA KYUNGU)

Os efectivos das Forças Armadas Angolanas (FAA) da Região Militar Leste (RML) foram incentivados nesta quinta-feira, no Luena, a exercerem o direito de voto no dia 23 deste mês, de forma ordeira e democrática.

Ao dissertar sobre as “Formas de participação política dos militares”, o chefe do Estado-Maior adjunto das FAA para a Educação Patriótica, general António Egídio de Sousa Santos “Disciplina”, reiterou que a consolidação da democracia passa, também, por uma presença activa e disciplinada dos militares no pleito deste ano.

O general relembrou que nenhum militar se deve filiar a um partido político, sob pena de ser sancionado, porém, cada um é livre de escolher o candidato da sua preferência.

O prelector encorajou os militares a exercerem o seu direito de voto, como forma de defenderem as instituições democráticas, legalmente eleitas pela vontade da maioria, sem se esquecerem da defesa da soberania do território nacional contra forças externas. (ANGOP)

DEIXE UMA RESPOSTA