FNLA com campanha “tímida” na Huíla por falta de material

CIDADE DO LUBANGO, PROVÍNCIA DA HUÍLA (FOTO: JOSÉ KRITHINAS)

A FNLA leva a cabo uma campanha eleitoral “bastante tímida”, na província da Huíla, devido à falta de material de propaganda, lamentou o seu secretário provincial, Bartolomeu Teixeira.

Ao falar hoje,(terça -feira) à Angop sobre a actividade política em curso, confessou que o atraso, na chegada das camisolas, bonés, bandeiras e folhetos de propaganda está a dificultar a campanha eleitoral do seu partido na província.

Mas considerou que este constrangimento, de ordem financeira, não tem impedido a FNLA de trabalhar, pois tem realizado, desde o início da campanha, a 23 de Julho, acções de esclarecimento e de mobilização porta-a-porta.

“Estamos a sensibilizar a população sobre os propósitos do partido para as eleições de 23 deste mês, mesmo sem a distribuição de material, e sentimos que a população está receptiva”, apontou.

Nas eleições de 2012, a FNLA obteve, na Huíla, cinco mil e 428, o que corresponde a um total de 1,01 por cento do total de votos válidos de uma população de mais de 700 mil eleitores cadastrados. (ANGOP)

DEIXE UMA RESPOSTA