Exército sírio abate 25 membros do EI no centro do país

(Afp)

Pelo menos 25 integrantes do grupo Estado Islâmico (EI) morreram em uma operação de comando aerotransportada do Exército sírio no deserto de Al Badiya, no centro da Síria – informou o Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH), neste domingo (13).

No sábado, “25 membros do EI morreram, e outros foram feridos em uma operação de comando das forças do regime sírio com a ajuda de aviões e de helicópteros militares russos” no nordeste da província de Homs (centro), disse à AFP o diretor do OSDH, Rami Abdel Rahman.

Nos combates, seis soldados sírios morreram, relatou o OSDH.

Com a operação, o Exército sírio conseguiu recuperar três localidades no deserto, indicou uma fonte militar síria citada pela agência oficial Sana.

Em 6 de agosto passado, as forças do governo conquistaram Al-Sukhna, último grande bastião do EI na província de Homs, segundo a ONG.

O governo sírio e seu aliado russo confirmaram ontem a conquista dessa cidade estratégica.

“A libertação de Al-Sukhna abre, para as forças governamentais, a possibilidade de uma ofensiva e de quebrar o cerco a Deir Ezzor”, uma grande cidade às margens do Eufrates sitiada pelo EI, declarou o Exército em um comunicado. (Afp)

DEIXE UMA RESPOSTA