Eleições/2017: APN defende criação de “ondjango dos sábios”

Quintino Moreira - Presidente da APN (Foto: Rosário dos Santos)

A Aliança Patriótica Nacional (APN) defendeu a criação de “ondjango dos sábios”, órgão de que farão parte os mais velhos dos vários estratos sociais, caso vença as eleições de 23 de Agosto.

Ao falar nesta sexta-feira, durante o tempo de antena na RNA, o presidente desta formação política, Quintino Moreira, explicou que o “ondjango dos sábios” é um espaço específico onde são discutidos os problemas que afligem as comunidades.

Autoridades tradicionais e cidadãos que se destacam nas áreas de defesa e segurança, economia e legislação, como o Provedor de Justiça, serão os potenciais integrantes.

O presidente da APN avançou ainda a ideia da criação de duas câmaras, onde devem ser discutidas e aprovadas todas as leis antes de passarem para a Assembleia Nacional.

A APN, caso vença as eleições de 23 de Agosto, pretende ainda acabar com as assimetrias regionais como forma de resolver os vários problemas, que assolam as populações de diversas províncias do país.

A formação política, fundada por Quintino Moreira, nasce da antiga Coligação Nova Democracia – União Eleitoral (ND-UE). Está representada nas 18 províncias do país. (Angop)

DEIXE UMA RESPOSTA