CASA-CE “agastada” com cobertura da TPA

Líder da CASA-CE, Abel Chivukuvuku (foto arquivo) (Foto: José Cachiva)

A passagem de Chivukuvuku pelas províncias do Cuanza-Sul e Benguela foram marcadas com ataques à imprensa. No domingo, no município da Ganda, o líder da CASA-CE e candidato da coligação a Presidente da República, Abel Chivukuvuku, incitou os seus militantes contra os jornalistas e orientou a expulsão da equipa que cobria um evento político.

Na segunda-feira, no Sumbe, outra equipa de reportagem da TPA foi impedida e escorraçada da actividade a pedido do líder da CASA-CE.

Antes, o seu irmão, Américo Chivukuvuku, que já foi delegado da UNITA na província do Cuanza-Sul, destratou igualmente os profissionais e expulsou a equipa da TPA da cobertura do evento. Situação semelhante já tinha ocorrido no município da Caála, com um deputado da coligação.

Por outro lado, dizem os militantes da Coligação, é notória e tendeneciosa a forma desleal como a Televisão Pública passa as imagens destorcidas dos eventos da Casa. (Jornal de Angola)

DEIXE UMA RESPOSTA