Camarões: Pentágono investiga alegações de tortura

(DR)

O exército dos EUA está investigar, nos Camarões, alegações de tortura sobre civis detidos.

As alegações fazem parte de um relatório da Amnistia Internacional que relata 100 casos de prisão arbitrária, e tortura de civis, registados durante a guerra contra Boko Haram.

Amnesty International diz que os abusos ocorreram em torno de Salak, perto da fronteira dos Camarões com a Nigéria e o Chade, e foram supostamente realizados pela unidade do exército de elite dos Camarões – o Batalhão de Intervenção Rápida. (Africanews)

DEIXE UMA RESPOSTA