Bronca em Espanha: Liga recusa cheque de 222 milhões por Neymar

(DR)

Javier Tebas cumpriu com a ameaça e rejeitou o pagamento do PSG.

Está montada uma nova polémica que promete animar ainda mais a ‘novela Neymar’ nos próximos dias.

De acordo com o jornal espanhol As, Javier Tebas, presidente de La Liga, cumpriu com a ameaça e rejeitou o cheque de 222 milhões de euros relativo à cláusula de rescisão de Neymar.

Juan de Dios Crespo, advogado especializado em direito desportivo encarregue de depositar o documento bancário, foi recebido, na sede do organismo, pelo director geral Javier Gómez, que comunicou que o pagamento não seria aceite.

Refere a publicação que, na base da rejeição, terão estado dois factores: por um lado, “o pagamento da cláusula de rescisão é um direito que só pode ser exercido por clubes espanhóis”. Por outro, terão estado dúvidas quanto à “origem do dinheiro”.

Fica, assim, em causa a transferência de Neymar para o Paris Saint-Germain, a mais cara da história do futebol mundial. (Notícias ao minuto)

Em actualização…

DEIXE UMA RESPOSTA