Ler Agora:
Brasil: Lula diz que nova acusação de corrupção visa impedir a sua candidatura
Artigo completo 2 minutos de leitura

Brasil: Lula diz que nova acusação de corrupção visa impedir a sua candidatura

O ex-Presidente brasileiro Lula da Silva defendeu na terça-feira, sobre mais uma acusação por corrupção e lavagem de dinheiro, que a decisão é parte de uma trama judicial para impedir a sua candidatura presidencial em 2018.

“Trata-se de uma nova etapa da farsa judicial movida pela Lava Jato (nome pelo qual é conhecida a investigação ao escândalo de corrupção na petrolífera Petrobras) contra o ex-Presidente”, de acordo com uma nota da assessoria de imprensa do antigo chefe de Estado brasileiro, publicada na sua página oficial na rede social Facebook, citada pela Efe.

Lula da Silva respondia desta forma à decisão conhecida na terça-feira do juiz Sérgio Moro — responsável pela investigação do processo Lava Jato — de aceitar processar a denúncia que acusa o ex-Presidente de ter recebido subornos de duas construtoras.

Por seu vez, os advogados de Lula da Silva, num comunicado também divulgado na página oficial do antigo Presidente no Facebook, defendem que a decisão de Sérgio Moro é “um atentado contra o Estado de Direito”.

Os advogados questionam, entre outras coisas, a imparcialidade do juiz, que no domingo deu uma entrevista à imprensa brasileira, na qual falou especificamente do caso que envolve Lula da Silva, afirmando sobre isso que “o voluntarismo do juiz Sergio Moro é incompatível com a imparcialidade e a impessoalidade que o cargo exige”. (Observador)

por Lusa

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos com são obrigatórios *

Input your search keywords and press Enter.
Translate »