Avenida 21 de Janeiro inaugura faixa exclusiva para autocarros em Luanda

(DR)

A avenida 21 de Janeiro vai ser a primeira de Luanda a abrir uma faixa exclusivamente para circulação dos transportes colectivos, no âmbito dos planos do Governo provincial para melhoria do tráfego urbano e aumento da velocidade dos autocarros.

Em declarações à Rádio Nacional, o director do gabinete provincial de infra-estruturas e serviços técnicos, Osvaldo Amaral, adiantou que as faixas só para autocarros vão avançar, numa fase inicial, em quatro vias.

Além da avenida 21 de Janeiro, a rota exclusiva incluirá a rua da Samba, a avenida Pedro de Castro Van-Dúnem “Loy” e a via de Cacuaco.

“Estamos a adoptar o modelo de fazer a faixa exclusiva para transportes colectivos e nesse momento a [Avenida] 21 de Janeiro já está com toda a sinalização feita para o ensaio deste benefício”, precisou o responsável.

A implementação do novo sistema será acompanhada por uma campanha de sensibilização dos automobilistas para não usarem a faixa reservada aos transportes colectivos.

Além do anunciado desafogo da circulação rodoviária para os transportes públicos, através da criação dos novos corredores, o Governo já garantiu o reforço da frota da TCUL – empresa pública de transportes colectivos de Luanda -, com a aquisição recente de 240 autocarros.

Também a pensar na desobstrução do tráfego luandense, o Executivo sublinha que tem em curso várias obras, com destaque para a construção dos acessos ao novo Aeroporto Internacional de Luanda, situado no Bom Jesus, município do Icolo e Bengo.

Já o governo provincial revela planos para reabilitar quatro vias com troços acidentados, como a Via Expresso de Camama, Viana, Golfo 2 e Cacuaco. (Novo Jornal)

DEIXE UMA RESPOSTA