SIC desmantela rede de criminosos na avenida Fidel Castro

Via expressaFidel Castro Ruz (DR) Inauguração da via expressa Cabolombo-Viana-Cacuaco, denominado Comandante em Chefe da Revolução Cubana, em homenagem a Fidel Castro Ruz, após a sua morte ocorrido no dia 25 de Novembro do ano corrente, 1926-2016. Luanda - Angola. (AMB) 2016-12-03

Uma rede de malfeitores, composta por cinco elementos acusados da prática de crimes de violação sexual e assaltos a mão armada ao longo da avenida comandante Fidel Castro, em Luanda, foi desmantelada na segunda-feira por efectivos do Serviço provincial de Investigação Criminal.

A Angop soube de fonte policial que os supostos criminosos, para além do roubo de viaturas e outros haveres, sequestravam mulheres e as levavam para quintas abandonadas nos arredores da avenida entre os municípios do Cacuaco, Viana e Belas e sob ameaça de morte violavam as vítimas.

A detenção foi possível devido a colaboração de uma das vítimas, que por estar em estado de gestação foi libertada e atirada para uma das valas da Via Expressa.

“ A vítima fez a queixa, e como conseguiu memorizar a fisionomia de um dos integrantes do grupo, foi possível detê-los”, disse a fonte.

De seguida, prosseguiu a fonte, através de um retrato falado feito no laboratorial de criminalista do SIC a polícia deteve o acusado, e posteriormente os demais integrantes.

De acordo com as autoridades policiais, entre os detidos consta um agente da corporação, cuja a identidade não foi revelada.

Na posse do grupo foram apreendidas armas de fogo e viaturas roubadas e utilizadas nas acções delituosas. (ANGOP)

DEIXE UMA RESPOSTA