Malanje: Enfermeiro aconselha alimentação equilibrada para prevenir doenças

Malange: Vista parcial da cidade de Malanje (Foto: Pedro Parente)

O chefe do banco de urgência do hospital municipal do Quela, enfermeiro Adilson João Ngolombe, aconselhou hoje, os munícipes, sobretudo os pacientes, no sentido de adoptarem hábitos alimentares equilibrados, baseando em alimentos ricos em proteínas e vitaminas, como forma de prevenir doenças e manter o controlo das patologias como febre tifoide, anemia aguda, diarreias e outras.

Entrevista à Angop sobre a importância da alimentação regrada, o técnico referiu que essa medida afigura-se ser importante para se prevenção de várias patologias, por isso deve se evitar o consumo de alimentos não nutritivos e mal confeccionados, em detrimento das proteínas e vitaminas.

Segundo disse, os alimentos ricos em proteínas devem ser consumido frequentemente, mas em quantidade média, com moderação e horário próprio, porquanto assim constitui-se factor da manutenção do equilíbrio da temperatura corporal, proporcionando deste modo o bem- estar do organismo e da pessoa.

Por outro lado, Adilson João lembrou que a má alimentação provoca complicações como a redução da circulação sanguínea a nível de certos vasos, porque o processo de transformação dos alimentos não nutritivos é mais vagaroso, o que provoca uma subcarga alimentar e posteriormente o desenvolvimento de muitas doenças, apelando por isso a observância desses aspectos.

O município do Quela dista a 115 quilómetros a Leste da cidade de Malanje e tem uma população estimada em 21 mil e 847 habitantes, maioritariamente camponeses, distribuídos pelas comunas de Xandel, Bângalas e Moma, cuja agricultura, pesca e caça são as principais actividades de subsistência. (ANGOP)

DEIXE UMA RESPOSTA