Governador de Malange garante emprego a trabalhadores da hidroeléctrica de Laúca

Norberto Fernandes dos Santos, governador de Malanke (Voa)

Milhares de operários a serem dispensados da Hidroeléctrica de Laúca em fase de conclusão, em Malanje, poderão vir a ser recrutados para a construção de uma infra-estrutura semelhante em Caculo Cabassa, no Kwanza Norte, anunciouo primeiro secretário do MPLA e governador provincial.

Em pré-campanha, Norberto Fernandes dos Santos disse que o programa de governação para os anos 2017-2022 prioriza a oferta de milhares de empregos para a juventude.

“O que vai acontecer é tirar técnicos, funcionários, aqueles que já têm experiência ganha na Barragem de Laúca e serem transferidos para a nova barragem de Cacuclo-Cabassa, o vosso emprego está garantido”, confirmou.

A primeira turbina de Laúca inicia a 21 deste mês a gerar de energia para reforçar a Rede Nacional de Electricidade.

A conclusão da barragem termina em 2018.

Fernandes dos Santos reconheceu as vantagens para a população com a implantação da Companhia de Bioenergia de Angola (Biocom) que fabrica açúcar, etanol e energia eléctrica que, no entanto, aguarda por maior acessibilidade na aquisição do alimento.

O governador de Malanje garantiu que a Biocom tem em posse um pedido da Administração Municipal de Cacuso para produzir sacos de 1 e 5 quilogramas de açúcar para satisfação das necessidades das famílias com fraco poder de compra. (Angop)

DEIXE UMA RESPOSTA