Cuanza Sul : Defendido reforço da formação da polícia em direitos humanos

EFECTIVOS DA POLÍCIA NACIONAL (Angop)

O reforço da formação dos agentes da Polícia Nacional (PN) em matéria de ética e direitos humanos foi defendido, hoje, na cidade do Sumbe, província do Cuanza Sul.

A recomendação consta de um documento saída da reunião do comité provincial do Cuanza Sul dos direitos humanos, que justifica a acção de formação dos membros da corporação a queixas constantes contra alguns destes elementos, entre outros aspectos.

“O guiché de reclamações dos cidadãos tem recebido em média duas queixas contra agentes da policia nacional,” reforça o texto a que Angop teve acesso, apelando-se aos polícias a valoriza e dar importância a necessidade de terem uma conduta positiva no cumprimento e aplicação das leis, com vista a se manter a ordem e a tranquilidade pública.

O Comité provincial reafirma ainda que a Polícia Nacional é um poder público do qual se exige obediência para que o respeito a dignidade da pessoa humana e a protecção dos direitos humanos se alcance e não seja desviado no cumprimento dos seus normativos. (ANGOP)

DEIXE UMA RESPOSTA