34% de mulheres em Angola foram vítimas de violência

(DR)

O relatório referente ao Inquérito de Indicadores Múltiplos e de Saúde 2015- 2016, apresentado este final de semana, em Luanda, ilustra que mais de um terço, ou seja, 34% das mulheres em todo o país, foram vítimas de violência física ou sexual cometida pelo marido ou parceiro.

A pesquisa, que teve como amostra mulheres com idades entre os 15 e os 49 anos, demonstra que oito porcento das inquiridas no país foram vítimas de violência sexual em algum momento das suas vidas, 5% das quais sofreram tais sevícias nos últimos 12 meses.

Margarida Lourenço, do Instituto Nacional de Estatística (INE), que fez a apresentação dos principais resultados do inquérito, revelou que cerca de um terço das mulheres (34%) foram vítimas de violência física ou sexual cometida pelo marido ou parceiro.

“Das mulheres que sofreram algum tipo de violência física cometida pelo marido/parceiro, 36% declararam ter sofrido alguma lesão, foram vítimas de violência física ou sexual e carecem de algum tipo de ajuda. No que toca a ajudas, 57% obtiveram-na das próprias famílias e apenas 20% da família do marido”, detalhou. Cerca de 32% das mulheres declararam terem sido alvo de violência física, em dado momento da vida, desde os 15 anos. (O País)

DEIXE UMA RESPOSTA