Património Africano em análise em Angola

(PATRIMÓNIO CULTURAL DO LESTE DE ANGOLA-FOTO: ANGOP)

O estado actual do património africano incluído na lista dos bens culturais da UNESCO e a lista dos sítios candidatos a património mundial estará em análise a partir desta segunda-feira, em Luanda, durante a II reunião dos peritos Africanos do Comité do Património Mundial.

O evento, que vai decorrer até ao dia 15, acontece sob o lema “juntos preservemos o património africano-um recurso para o desenvolvimento sustentável de África, numa parceria entre o Governo Angolano e o Fundo para o Património Mundial Africano.

O evento contará com a participação de peritos dos países africanos membros do Comité do Património Mundial, nomeadamente Angola, Burkina Faso, Tanzânia, Zimbabwe, Tunísia, e de outros especialista da África do Sul, e dos representantes do Fundo para o Património Mundial Africano.

Os peritos passarão em análise as propostas de candidatura para a inscrição de bens na Lista do Património Mundial da UNESCO, estado de gestão e conservação de bens africanos inscritos na Lista do Património Mundial e na Lista do Património Mundial em perigo, a Estratégia Global para uma Lista representativa e equilibrada e a revisão das orientações práticas da Convenção de 1972.

Angola, que ocupa a Vice-Presidente do Bureau do Comité do Património Mundial e Presidente do Grupo para o ano 2017, tem a cidade histórica de Mbanza Kongo a concorrer para ser classificada como património mundial da UNESCO.

O país conhecerá o resultado final desta candidatura durante a reunião anual da UNESCO a ter lugar em Julho deste ano na Croácia. (ANGOP)

DEIXE UMA RESPOSTA