Caravana eleitoral da CASA-CE retida pelas autoridades congolesas

Apoiantes da CASA-CE (DR)

Uma Caravana da Convergência Ampla de Salvação de Angola – Coligação Eleitoral (CASA-CE), que se dirigia para a província de Cabinda, no âmbito da sua agenda eleitoral, foi retida esta sexta-feira, dia 09 de Junho, na fronteira do yema, pelas autoridades congolesas.

Américo Chivukuvuko, que chefiava a comitiva, que ele e o secretário nacional de informação e imagem da Casa-CE,Felix Miranda foram detidos e algemados pelas autoridades congolesas durante 24 horas.

Chivukuvuko disse que a governadora de Cabinda, Aldina Matilde da Lomba Catembo, terá instigado as autoridades congolesas para prenderem o material de campanha para sabotar a campanha eleitoral daquela coligação partidária.

A delegação foi posta em liberdade nas primeiras horas de sábado. (Voa)

1 COMENTÁRIO

  1. ALDINA KATEMBO, UMA MULHER SEM CORAÇÃO DE MÃE, CORAJOSA EM FAZER SOFRER AS MULHERES IGUAIS, AO EXPÔ-LAS AO SOL NA ZUNGA.

DEIXE UMA RESPOSTA