Ler Agora:
BRICS unem-se na luta contra o terrorismo
Artigo completo 2 minutos de leitura

BRICS unem-se na luta contra o terrorismo

Os países-membros do grupo BRICS apelam à adopção rápida de uma convenção ampla sobre a luta contra o terrorismo no âmbito da ONU, bem como a acções coordenadas a nível regional e internacional, afirmou durante uma entrevista colectiva o chanceler indiano, Vijay Kumar Singh.

“No âmbito do grupo BRICS, nós chegamos a um consenso de que o terrorismo deve ser discutido em todas as suas formas. Além disso, devemos empreender esforços para que o terrorismo não possa prejudicar ninguém e em nenhum lugar. Ademais, apelamos para uma adopção mais rápida possível de uma convenção sobre a luta contra terrorismo na ONU”, destacou o diplomata na sequência de uma reunião entre os ministros das Relações Exteriores dos países-membros do BRICS.

De acordo com o chanceler indiano, os participantes do encontro também discutiram várias medidas do carácter prático que já foram estudadas em diferentes cimeiras, inclusive as formas como estas devem ser implementadas. Segundo destacou Vijay Kumar Singh, no decorrer do encontro os participantes acordaram que o terrorismo é o inimigo comum de toda a humanidade e que todos estão preocupados com o alastramento do terrorismo em várias formas e manifestações.

“O terrorismo ameaça a paz em todo o mundo, não se pode dividir terroristas em bons e maus. Os terroristas, de qualquer maneira, são terroristas e criminosos. Precisamos de acções coordenadas tanto a nível regional como a nível internacional para fazer frente a eles”, adiantou o chanceler indiano.

O BRICS é um grupo informal intergovernamental que une a Rússia, o Brasil, a Índia, a China e a África do Sul, sendo que os países da organização contam com 2,83 biliões de pessoas, ou seja, 42% da população mundial. (Sputnik)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos com são obrigatórios *

Input your search keywords and press Enter.
Translate »