Malanje: SIC destrói mais de 4 mil quilogramas de estupefaciente

Serviço de Investigação Criminal (SIC) (OPAIS)

Quatro mil e 800 quilogramas de estupefaciente (Liamba) e mil e 500 de medicamentos diversos, bem como 100 armas de fabrico artesanal apreendidos pela polícia, foram incinerados hoje (quarta-feira), nesta cidade, pela direcção provincial do Serviço de Investigação Criminal (SIC).

Segundo apurou a Angop, os produtos em causa foram apreendidos no período de 2014 a 2017, pela polícia de investigação criminal, no quadro das várias operações desenvolvidas, visando estancar a produção, venda e consumo de estupefaciente e outras drogas, bem como a caça ilegal na província.

Falando à margem do acto, o chefe de departamento de Crimes Económicos e Saúde Pública do SIC, inspector-chefe Agostinho João, disse que os meios foram recuperados em vários municípios da província e a respectiva destruição foi deliberada pelo Ministério Público, junto do Serviço de Investigação Criminal, por se achar impróprio para o uso e consumo humano.

Agostinho João assegurou que o SIC e outros órgãos que compõem a Polícia Nacional na província vão continuar a promover operações para conter o cultivo e venda de estupefaciente e outras práticas delituosas.

O inspector-chefe exortou ainda a população malanjina no sentido denunciar os locais onde se produz, transporte e comercialização a liamba e outros produtos impróprios para o consumo humano, colaborando assim com as forças da ordem na manutenção da tranquilidade dos cidadãos. (Angop)

DEIXE UMA RESPOSTA