Macron promete França inflexível na luta contra o Daesh

Presidente Emmaneul Macron em companhia do seu homólogo maliano Ibrahim Boubacar Keïta, em Gao (DR)

A França será inflexível na sua luta contra militantes islâmicos no Mali e na região do Sahel, disse o presidente francês, Emmanuel Macron, nesta sexta-feira, na sua primeira visita a um país africano.

Falando ao lado do presidente do Mali, Ibrahim Boubacar Keita, na base militar de Gao no norte do país, onde estão aproximadamente 1.600 soldados, Macron também disse que a França está determinada a agir pela segurança permanente da região, e que vai buscar fortalecer a cooperação com a Alemanha para essa finalidade.

“A Alemanha está muito presente nas operações de apoio”, acrescentou.
“Eu quero fortalecer essa parceria e garantir que esse compromisso da Alemanha, que já está presente, possa ser intensificada. A Alemanha sabe que o que está em risco aqui também faz parte da segurança da Europa e do nosso futuro. Nem a França nem a Alemanha são ilhas isoladas”. (Reuters)

por Andrew Callus e Marine Pennetier)

DEIXE UMA RESPOSTA