Lunda Norte: Governo aprova projectos sociais

Vista da cidade do Dundo (Foto: Angop/ARQ.)

O governo da Lunda Norte aprovou quarta-feira, no Dundo, projectos de âmbito administrativo, social e para melhorar a governação.

Em declarações Julião Salvador, porta-voz da sessão extraordinária do pelouro da Lunda Norte, informou destaca-se a elevação da comuna de Camissombo à categoria de município, e de vilas ao Nzage e Cafunfo, adstritas a circunscrição do Lucapa, Cambulo e Cuango.

Deu a conhecer a aprovação do projecto de massificação desportiva que conta com o envolvimento das administrações e empresas locais, no que tange a recuperação dos campos de jogo, além da criação de kits indispensáveis à promoção de eventos nas dez circunscrições.

Em relação ao horário da função pública, apresentado pelo responsável desta instituição, disse ter sido deliberado submeter-se a consultas para recolha de contribuições antes da aprovação final.

Para troca de informação, gráfica, visual ou digital, deu a conhecer aos usuários do Facebook na Internet, a retomada do Portal, constante do pacote da Comunicação Institucional sobre a governação da província.

Na reunião, também foi prestada a informação do resultado definitivo do registo que culminou a 31 de Março com o cadastramento de 343 mil e 69 eleitores, da renda de mil moradias na Centralidade do Mussungue e sobre o acolhimento, até terça-feira, de 11 mil e 51 refugiados da República Democrática do Congo(RDC) na Lunda Norte. (Angop)

DEIXE UMA RESPOSTA