Dhlakama esperado como painelista na cimeira sobre a paz

Afonso Dhlakama , presidente da RENAMO (Foto: herald.co)

O presidente da Renamo é esperado como orador, na cimeira nacional sobre a paz, a ser realizada ainda este ano, na cidade da Beira, por um grupo de organizações da sociedade civil. A vontade foi manifestada, ontem, pelo grupo organizador da cimeira, após um encontro com a presidente da Assembleia da República.

“O nosso país precisa de uma paz efectiva, porque a guerra só tem prejuízos. Muitas mulheres ficam viúvas e crianças ficam órfãs. E acreditamos que a oração pode ser um caminho para conseguirmos devolver a tranquilidade ao nosso país”, disse a coordenadora da plataforma, Artimiza Franco.

A trégua de sete dias anunciada pela Renamo em Dezembro é apontada pelos organizadores da Oração pela Paz como um dos resultados da campanha lançada a 22 de Dezembro de 2016, daí que estão confiantes no sucesso da cimeira. “Além deste evento, vamos criar uma base mais sólida para a plataforma, que passa por calcular também os prejuízos durante a tensão político-militar”, disse Franco.

A presidente da Assembleia da República, Verónica Macamo, saúda a iniciativa e apela a que os esforços para a paz efectiva no país continuem. “Nenhum país se desenvolve em guerra. A paz é necessária para o desenvolvimento do país, daí que todos os esforços nesse sentido são bem-vindos”, disse Macamo.

Refira-se que a cimeira sobre a paz ainda não tem data marcada. (O País)

DEIXE UMA RESPOSTA