Cunene: Cultura defende criação de associação de guias turísticos

Complexo Turístico do Oihole (Foto: José Cachiva)

O director provincial da Cultura no Cunene, Celestino Vicente, defendeu terça-feira, em Ondjiva, a necessidade da criação de uma associação de guias turísticos para o fomento do eco-turismo na região.

Ao falar à Angop a propósito do Dia Internacional dos Monumentos e Sítios, o responsável disse que a província do Cunene possui vários monumentos e sítios de atracção turística, daí ser importante que se crie uma associação de guias turísticos.

Celestino Vicente sublinhou que os guias turísticos são acompanhantes de turistas e devem estar munidos de conhecimentos nas áreas da cultura, artesanato e da própria natureza.

“O turismo gera emprego, movimenta toda cadeia económica e aumenta, o que se traduz no aumento do consumo e serviços”, disse.

A província do Cunene controla sete monumentos e sítios classificados, dos quais dois monumentos e cinco sítios históricos.

As jornadas comemorativas do Dia Mundial dos Monumentos e Sítios, no país decorrem sob o lema “ Património Cultural e Turismo Sustentável”. (Angop)

DEIXE UMA RESPOSTA