Huambo: Governador quer colaboração dos partidos políticos na elevação da auto-estima da população

(Arquivo) GOVERNADOR DO HUAMBO, JOÃO BAPTISTA KUSSUMUA (Foto: EDILSON DOMINGOS)

O governador da província do Huambo, João Baptista Kussumua, solicitou nesta segunda-feira, nesta região, aos partidos políticos representados na região a contribuir na elevação da auto-estima da população, através do respeito às liberdades do cidadão, bem como na participação no saneamento básico.

O governante fez esta solicitação durante um encontro com os representantes dos partidos políticos com assento na Assembleia Nacional, designadamente MPLA, UNITA, CASA-CE, FNLA e PRS, que contou também com a presença dos representantes da Delegação local do Ministério do Interior e do Comando da Polícia Nacional.

Explicou que a reunião foi convocada com objectivo de analisar, de forma conjunta, dois aspectos de natureza transcendentais para o desenvolvimento harmonioso do país e para o Huambo, em particular, por serem assuntos de todos, independentemente da filiação partidária.

João Baptista Kussumua informou que o primeiro aspecto tem a ver com o saneamento básico da cidade do Huambo, pois o Governo, dentro das suas capacidades, tem vindo trabalhar no sentido de transformar a urbe numa casa que orgulhe todos os habitantes e encante, ao mesmo tempo os visitantes, com vista a captação de investimentos.

“Queremos toda colaboração possível dos responsáveis dos partidos políticos na sensibilização da população, de modo a participar no saneamento básico, visto que um verdadeiro jardim, que orgulhe a todos, está acima das filiações partidárias e que deve, por via disso, merecer atenção e apoio”, enfatizou o governador.

O segundo aspecto, prosseguiu o governante, está relacionado com os incidentes entre militantes de vários partidos, assuntos, que, por sua vez, deviam ser tratados nas localidades onde ocorrem tais actos de desrespeito as diferenças partidárias, mas, muita das vezes, transportados para o fórum provincial, nacional e, até mesmo, internacional, dando a sensação que os conflitos constituem o modo de vida da população do Huambo.

Contudo, João Baptista Kussumua disse que um dos desafios, no âmbito da reconciliação nacional, é de que estas rixas entre militantes de partidos políticos, devem ser tratadas a nível em que surgem, tendo em conta a boa imagem que se pretende para a província.

O governador afirmou que a imagem da província traz benefícios noutra vertente super-partidária, através da captação de investimentos estrangeiros, aliado aos recursos naturais existentes, que, por sua vez, precisam ser transformados em riqueza, de modo a criar-se mais emprego e desenvolvimento sustentável.

Por isso, o governante pediu aos representantes de partidos políticos a trabalharem com o Governo na solução destes problemas, de modo que, quer seja a população local, quer sejam os investidores, tenham a tranquilidade necessária, resultante da confiança entre os políticos. (Angop)

DEIXE UMA RESPOSTA