Bié: Mais de 100 novas residências beneficiam água potável na Nhârea

MARIA LÚCIA CHICAPA - ADMINISTRADORA MUNICIPAL DA NHÂREA (Foto: LEONARDO CASTRO)

Cento e oitenta novas moradias vão beneficiar-se de água potável, este ano, no município de Nhârea, a 175 quilómetros a Norte da cidade do Cuito (Bié), com a conclusão das obras de ampliação do sistema de captação, tratamento e distribuição de água, naquela circunscrição.

A informação foi prestada hoje, segunda-feira, pela administradora municipal de Nhârea, Maria Lúcia Chicapa, sublinhando que as obras que tiveram o seu início em Dezembro de 2016, estão a cargo da empresa chinesa denominada “CTCE”, avaliadas em 20 milhões e 896 mil 339 dólares norte-americanos.

Maria Lúcia Chicapa confirmou que o antigo sistema não tem capacidade de fornecer condignamente a água potável às populações locais, mas que, com a sua ampliação será triplicada a capacidade de bombeamento para 220 metros cúbicos por hora, contra os 120 metros cúbicos actuais.

Disse ainda que o empreendimento terá ainda uma conduta de três mil e 185 metros junto à Estação de Tratamento de Água.

As obras enquadram-se no programa do governo angolano “Água Para Todos”, financiado na Linha de Crédito da China, que visa melhorar a qualidade de vida das famílias.

O programa “Água para Todos”, na Nhârea, abrange ainda, segundo ela, a construção de seis chafarizes e a reabilitação de cinco outros, ao nível das comunas de Dando, Caieie, Gamba e Lúbia, visando reforçar os sistemas já existentes.

A melhoria da qualidade da água consumido pela população, disse, está a contribuir na redução de doenças como diarreias, febre tifóide, cólicas abdominais e outras provocadas pelo consumo de água não tratada.

O município de Nhârea, que dista a 175 quilómetros a Norte da cidade do Cuito, província do Bié, possui uma população de 113.651 habitantes, maioritariamente camponesa, que vivem vilas do Dando, Caieie, Gamba, Lúbia e sede municipal. (Angop)

DEIXE UMA RESPOSTA