Identificados todos os corpos da tragédia da Chapecoense

Torcedores da Chapecoense se reúnem na Arena Condá no dia do acidente (AP)

FAB vai transladar corpos das vítimas brasileiras para Chapecó, onde será realizado um velório coletivo na Arena Condá, com a provável presença do presidente Michel Temer.

Os corpos dos brasileiros que morreram na queda do avião que transportava a equipe da Chapecoense já foram identificados e serão transladados para o Brasil pela Força Aérea Brasileira (FAB), disse nesta quinta-feira (1º/12) o porta-voz do clube catarinense, Andrei Copetti.

Segundo ele, os corpos chegarão a Chapecó ao meio-dia desta sexta-feira e serão levados diretamente paramo estádio do clube, a Arena Condá. Lá será realizado um velório coletivo, aberto aos torcedores. “Todos os corpos já foram identificados e serão embalsamados em Medellín”, disse Copetti.

A presença do presidente Michel Temer no velório coletivo ainda não foi oficialmente confirmada, apesar de já ter sido divulgada pela imprensa.

A queda do avião da empresa boliviana LaMia, no início da madrugada desta terça-feira, causou a morte de 71 pessoas que estavam a bordo, a grande maioria brasileiros. Seis sobreviveram. Entre as vítimas estão jogadores, equipe técnica e diretores da Chapecoense, além de jornalistas que iriam acompanhar a partida final da Copa Sul-Americana, que seria disputada entre a Chapecoense e o Atlético Nacional, de Medellín. (DW)

AS/rtr/efe

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA