Cristiano Ronaldo terá uma estratégia para pagar menos impostos

(Foto: D.R.)

A estrela do Real Madrid realizou acordos publicitários com grandes empresas multinacionais, usando uma empresa localizada no país europeu que menos paga de impostos.

De acordo com o avançado hoje pelo El Confidential, Cristiano Ronaldo terá usado, durante anos uma empresa da Irlanda – a Multisports & Image Management (MIM) Limited – para explorar os seus direitos de imagens e canalizar as receitas milionárias que ganha através dos mesmos.

A MIM Limited foi criada em 2014 e tem a sua sede em Dublin. Esta é gerida por Andy Quinn, um advogado que aparentemente não tem qualquer ligação ao craque. Contudo,acordos da empresa, rubricados pelo advogado, confirmam que a empresa está “autorizada a explorar e conceder os direitos de imagem, nome, declarações, informação biográfica, fotografias e vídeo” do joagador, pode ler-se.

O português terá usado esta empresa para estabelecer as condições e finalizar contratos com grandes marcas, tais como a Nike, a Unilever, a Kentucky Fried Chicken (KFC), a Konami e a Toyota Thailandia, revelam documentos publicados pelo Football Leaks.

A empresa estará ligada também à marca do jogador, lançada em 2015, e que inclui o comércio de perfumes e produtos de cosmética para homens.

Através desta empresa, o jogador estabelecia as condições e remunerações que receberia por dar a cara pelas marcas. As vantagens em recorrer à empresa irlandesa são evidentes e estão relacionadas com o facto de que este é o pais que menos paga pelo Imposto sobre Rendimentos de Pessoa Coletiva [apenas 12,5%, o que representa metade do que é pago, por exemplo, na Espanha], escreve a publicação. (noticiasaominuto)

 

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA